ArquivoAntigo

Procure '

segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

Se eu fosse feita de papel, eu desmanchava. De vidro, eu me quebrava. De gotas de chuva, eu evaporava. Mas como não sou feita de nada disso, tenho que viver fingindo ser de aço.
Postar um comentário